Parcerias instituem o primeiro núcleo do Lages Leãozinho na categoria de futsal


Secretaria de Assistência Social e Habitação, Associação Lages Futsal e o Colégio Policial Militar de Lages estão unidos em prol do desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio de atividades esportivas

Inclusão social, responsabilidade e incentivo ao esporte são objetivos comuns entre a Secretaria de Assistência Social e Habitação de Lages, Associação Lages Futsal e o Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires/Polo Lages. Desta forma, na noite da última quinta-feira (5 de julho), no Ginásio de Esportes do Colégio Militar de Lages, foi instituído o primeiro núcleo do Lages Leãozinho na categoria de futsal para crianças e adolescentes da comunidade em geral.

Ao saber das informações preliminares sobre o Projeto através das redes sociais, Charles Bruno Kurtz, de 38 anos, representante comercial, morador do bairro Jardim Cepar, ficou ansioso para descobrir quais os dias em que ocorreriam os encontros e também os horários. Ele foi o primeiro a chegar no local e de imediato aproveitou para realizar a inscrição do filho Bruno Santos Kurtz, de apenas 6 anos, estudante do Colégio Santa Rosa de Lima. Mesmo transparecendo timidez, em poucas palavras, o garoto revelou ser fã de um dos principais jogadores da atual Seleção Brasileira de Futebol, na Copa do Mundo de 2018, Neymar Júnior. Charles comenta que além deste Projeto, o filho também está envolvido com outras atividades esportivas.

Assim como o Bruno, Victor Daniel Ferreira, de 7 anos, também é estudante do Colégio Santa Rosa de Lima. Porém, diferente do Bruno, Victor ainda está criando gosto pelo esporte. Acompanhado pela mãe Elaine Mauenverck, 38 anos, professora, ele aproveita os eventos esportivos para prestigiar o irmão mais velho, Vinícius Daniel Ferreira, de 13 anos. De acordo com Elaine, Vinícius atua há dois anos como jogador da Associação Lages Futsal e neste período, o adolescente já disputou até competições estaduais pelo time. “Antes de qualquer coisa, o primeiro compromisso deve ser com os estudos. É perceptível que o esporte contribui para o desenvolvimento, seja na qualidade de vida, como no autoconhecimento. Eles aprendem a lhe dar com os limites, compromissos e regras, por exemplo”, diz Elaine.

O coordenador do Projeto, Tyrone Machado, frisou que além das parcerias estabelecidas, assim como no Programa Lages Leãozinho na modalidade de futebol de campo, os familiares e comunidade terão papel fundamental no fortalecimento do Projeto ao decorrer do tempo. Para Lessandro Marchry, presidente da Associação Lages Futsal, quando mais cedo essas crianças e adolescentes possuírem um referencial na vida desportiva e pessoal, será ainda melhor. “Tanto é assim que na Associação três pilares são essenciais na formação do atleta: o lado social, divisões de base e o adulto”, explica Lessandro.

O Tenente Coronel e diretor do Colégio Militar de Lages, Alexandre Balbuíno, falou que a estrutura do Colégio está à disposição da comunidade em geral. Ele ressalta que o esporte é uma ótima oportunidade para desenvolver disciplina com as crianças e os adolescentes.  Em concordância a isso, o secretário de Assistência Social e Habitação de Lages, Samuel Ramos, percebe o esporte como uma oportunidade de formar novos cidadãos. Para o vice-prefeito de Lages, Juliano Polese, mesmo com todos os desafios enfrentados na administração pública, juntamente com o prefeito Antonio Ceron, o Poder Executivo não poupará esforços para incentivar o esporte no município. Desde jovem, Juliano Polese teve uma relação próxima com o esporte. Em 2017, a pedido de Antonio Ceron, ele foi escolhido para presidir a Comissão Central Organizadora dos Jogos Abertos de Santa Catarina. Além de atleta, ele também foi dirigente dos Jogos Interclubes em Lages. “Hoje com uma idade mais avançada o esporte virou momentos de lazer aos finais de semana”, expõe Polese.

O Programa Lages Leãozinho

Existente desde agosto de 2017 e desenvolvido pela equipe de educadores físicos da Secretaria de Assistência Social e Habitação de Lages, o Programa Lages Leãozinho iniciou na modalidade de futebol de campo e está em funcionamento de forma gratuita no contraturno escolar no bairro Guarujá, Popular, Vila Mariza e mais recentemente, no Petropólis. De acordo com o secretário, Samuel Ramos, além dos momentos de recreação e lazer, a iniciativa oportuniza inclusão social do público da comunidade em geral ou dos usuários dos oitos Centros de Referência de Assistência Social (Cras’s).

O Projeto Lages Leãozinho Futsal

O Projeto surgiu a partir do Programa Lages Leãozinho e também ocorrerá de forma gratuita. Os encontros acontecerão duas vezes por semana no Ginásio de Esportes do Colégio Policial Militar de Lages, no período matutino e estão voltados para crianças e adolescentes. Segundo o coordenador do Projeto, Tyrone Machado, os interessados em efetuar inscrição deverão comparecer no local (Ginásio do Colégio Militar de Lages) nos dias de atividades (segunda ou quarta-feira) ou ainda em horário comercial no Centro de Artes Esportes Unificados (CEU), localizado próximo ao Ginásio Jones Minosso, acompanhado pelo responsável e munido de documento de identificação e comprovante de residência. “Às 9h será destinado para o público de 11 a 14 anos e às 10h para os de 7 a 10 anos”, esclarece Tyrone.

Fotos: Toninho Vieira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *