Professores  aperfeiçoam-se em “Contação de Histórias”


Educadora e atriz Ivone Balzan troca experiências com os professores com objetivo de ter aulas mais participativas com os alunos

São quatro encontros semanais, com quatro turmas de professores da rede municipal de ensino, realizados na Praça do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), no bairro Universitário. O curso está em andamento há um mês e tem o objetivo de, através da contação de histórias, que professores e alunos dos anos iniciais tenham aulas mais participativas e que estimulem a curiosidade e a leitura.

Segundo Ivone, atualmente os trabalhos de estudo estão sendo desenvolvidos em cima da escolha dos livros e como trabalhar com eles. “O educador tem que saber qual é o melhor livro. Não recomendo livros provenientes de filmes famosos, por exemplo. A criança provavelmente já assistiu a produção e aí as comparações podem dispersar a atenção. Clássicos são recomendados, e a leitura tem que incorporar os personagens, aí que entra o trabalho de teatro, voz e música”, informa.

O próximo passo é a chamada do público infantil dos bairros vizinhos à Praça do CEU em algumas datas para participar da “Contação de Histórias” executadas pelos próprios professores. “A ideia é chamar a comunidade para apreciar o que estamos desenvolvendo com os educadores aqui. Com a presença das crianças, ocupamos a Praça, geramos experiências e poderemos antecipar o que cada professor de cada Centro de Educação Infantil pode realizar na nossa cidade”, comenta.

A Praça do CEU tem gestão compartilhada com as secretarias municipais de Assistência Social e Habitação, da Educação, além da Fundação de Esportes e Fundação Cultural. Para mais informações sobre os cursos de contação de histórias, os interessados podem entrar em contato com a professora Ivone Balzan, pelo número (49) 9 9911-5133.

 

Fotos: Fabrício Furtado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *