Grande expectativa para o desfile oficial de 7 de Setembro na Duque de Caxias


O desfile contará com a participação de 23 entidades, sendo nove unidades escolares, estaduais e municipais, e demais instituições

Grande expectativa para o desfile oficial de 7 de Setembro na Duque de Caxias (2)

Está tudo preparado para o desfile cívico desta quinta-feira, 7 de setembro, que será realizado na Avenida Duque de Caxias. A homenagem à Pátria realizada pela Prefeitura de Lages, em parceria com diversas instituições e Forças Militares, deve atrair milhares de pessoas para o local, tradicionalmente conhecido e marcado pelos desfiles oficiais nesta data.

O desfile contará com a participação de 23 entidades, sendo nove unidades escolares, estaduais e municipais, e demais instituições. Os primeiros a desfilarem abrindo o evento, será o grupo de Escoteiros, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Associação dos Deficientes Visuais do Planalto Serrano (Adevips), Lions Clube, Associação Serrana dos Deficientes Físicos (Asdef), seguidos pelas escolas. O desfile será encerrado pelas Forças Armadas, Defesa Civil de Lages, vans e cavalos de aço.

O diferencial deste ano é o palanque de autoridades, que é móvel, sendo utilizado em todos os desfiles da Semana da Pátria. Um caminhão foi especialmente decorado para a data cívica, assim como a avenida, com as cores da bandeira brasileira. A concentração das entidades que desfilarão será ao lado da Praça da Bandeira, na rua Correia Pinto. Após o desfile ao longo da Duque de Caxias, a dispersão será na altura do Colégio Objetivo e a Tókio Veículos.

Em caso de chuva no dia do evento, a decisão pelo cancelamento ou não do desfile será tomada com uma hora de antecedência, pela Comissão Organizadora e amplamente divulgada em rádios, redes sociais e outros veículos de comunicação. “É um evento que despende de muitos custos e demanda de pessoas envolvidas na organização e também do efetivo da polícia, responsável pela segurança. Seria inviável transferi-lo e infelizmente precisaria ser cancelado”, afirma o integrante da Comissão, Zé Mário Mescke.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>